Nenhum aumento nas passagens de ônibus!!

R$ 1,90 é absurdo, R$ 2,40 é roubo!
 Passe livre para estudantes e desempregados




A passagem de ônibus em Teresina é uma das mais caras do país, considerando que os percursos aqui são os menores entre as capitais. Mesmo assim, o prefeito Elmano Ferrer (PTB) e o SETUT querem aumentar o preço da passagem de R$ 1,90 para R$ 2,40, atingindo diretamente a população pobre que sofre com a queda na qualidade do serviço de transporte coletivo (ônibus desconfortáveis, superlotação, atrasos, congestionamentos, paradas de ônibus inadequadas, entre outros).

O Ministério Público Estadual (MPE) já vem questionamento o preço R$ de 1,90, afirmando que a planilha de custo apresentada pelos empresários e a STRANS está ultrapassada, e por isso, a promotoria já pediu a revisão dessa planilha e determinou uma auditoria nas empresas de transporte.

Para impedir mais um aumento abusivo, a população teresinense precisa se mobilizar. Nesse sentido, o Fórum Estadual em Defesa do Transporte Público, formado pelas entidades abaixo relacionadas, convoca entidades sindicais, estudantis e populares e a população usuária de transporte coletivo a se engajar na luta em defesa do transporte público estatal e de boa qualidade.

ATO CONTRA O AUMENTO DA PASSAGEM DE ÔNIBUS EM TERESINA
DIA 11 DE AGOSTO – Quinta-feira
Concentração na Praça do Liceu e passeata para a prefeitura, às 8h.


Fórum Estadual em Defesa do Transporte Público:
CSP Conlutas/ CTB / ANEL – Assembléia Nacional dos Estudantes Livre/ Movimento Barricadas Abrem Caminhos / ENECOS – Executiva Nacional dos Estudantes de Comunicação Social / FENED- Federação Nacional dos Estudantes de Direito / UMES – União Municipal dos Estudantes Secundaristas / CAJUINA – Centro de Assessoria Jurídica Popular de Teresina / DCE - UFPI / DCE - CEUT / Grêmios Estudantis / SINDSERM /ADCESP/ SINDCEFET / SINTECT – PI / SINTRAJUFE – PI / FAMEPI / SINDCOMERCIÁRIOS / PSTU / PSOL / PCB.  

Comentários

  1. Se a prefeitura trabalha realmente pelo povo, não aceitará esse aumento. Aumento na passagem é igual compra de mais motos e carros, que é igual encarecimento de manutenção nas ruas e avenidas, e aumento de acidentes. Sairá mais caro para a prefeitura. Sem contar que o prefeito e seu partido perderá grande parcela dos votos nas próximas eleições.

    ResponderExcluir
  2. Se a prefeitura trabalha realmente pelo povo, não aceitará esse aumento. Aumento na passagem é igual compra de mais motos e carros, que é igual encarecimento de manutenção nas ruas e avenidas, e aumento de acidentes. Sairá mais caro para a prefeitura. Sem contar que o prefeito e seu partido perderá grande parcela dos votos nas próximas eleições.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!