Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013

SINDSERM realiza protesto exigindo convocação dos(as) aprovados(as) no concurso da FMS

Imagem
Nesta terça, 27, o SINDSERM realizou uma manifestação em frente à sede do poder municipal de Teresina. O ato exigiu a convocação imediata dos(as) aprovados(as) nos últimos concursos da FMS. A convocação dos(as) aprovados(as) é um dos pontos da pauta de reivindicações dos(as) servidores(as) públicos municipais de Teresina. Uma comissão foi recebida pela administração e na próxima quarta-feira a prefeitura dará informações sobre a quantidade das convocações que já foram realizadas e de novas convocações.

O SINDSERM desde a gestão municipal passada, vem acionando o Ministério Público Estadual para o mesmo se posicionar sobre o assunto. Diversas Audiências sofram realizadas no intuito de informar à prefeitura de Teresina da obrigatoriedade da convocação dos(as) aprovados(as), mas a prefeitura de forma irresponsável vem ignorando as recomendações do MPE e continua colocando terceirizados nos Órgãos do município. 






Coordenação de pedagogas(os) se reúne com secretário de educação

Imagem
Duas novas reuniões com a coordenação estão marcadas para os dias 3 e 10/06


Na última segunda, 26, a coordenação de pedagogas(os) do município de Teresina se reuniu com o secretário de educação, Paulo Vilarinho, para tratar do pontos da pauta deste setor. Estiveram presentes no encontro pedagogas representando CMEI,s e Escolas Fundamentais da rede municipal de ensino. Duas novas reuniões com a coordenação para tratar continuar a negociação dos pontos da pauta de reivindicações, estão marcadas para os dias 3 e 10 de junho.
1/3 de HP O primeiro ponto discutido foi à garantia de um tempo de planejamento e elaboração de 1/3 da carga horária conforme revisão legal do Art. 64 da LDB 9394/96. As(os) pedagogas(os), assim como os professores, têm garantido por lei, a reserva de um terço da carga horária para estudo e planejamento de suas atividades. Lembrando que as(os) pedagogas(os) já tiveram garantido o referido e merecido que foi subtraído destes profissionais.
Outro ponto discutido foi a exi…

O que é assédio moral no trabalho?

Imagem
É a exposição dos trabalhadores e trabalhadoras a situações humilhantes e constrangedoras, repetitivas e prolongadas durante a jornada de trabalho e no exercício de suas funções, sendo mais comuns em relações hierárquicas autoritárias e assimétricas, em que predominam condutas negativas, relações desumanas e aéticas de longa duração, de um ou mais chefes dirigida a um ou mais subordinado(s), desestabilizando a relação da vítima com o ambiente de trabalho e a organização, forçando-o a desistir do emprego.*
Caracteriza-se pela degradação deliberada das condições de trabalho em que prevalecem atitudes e condutas negativas dos chefes em relação a seus subordinados, constituindo uma experiência subjetiva que acarreta prejuízos práticos e emocionais para o trabalhador e a organização. A vítima escolhida é isolada do grupo sem explicações, passando a ser hostilizada, ridicularizada, inferiorizada, culpabilizada e desacreditada diante dos pares. Estes, por medo do desemprego e a vergonha de se…

Assembleia Geral nesta sexta, 17 de maio

Imagem

SAMU: MPE determina que administração apresente relatório com respostas em 10 dias

Imagem
Nesta terça, 14 de maio, o Ministério Público Estadual, a pedido do SINDSERM, realizou uma Audiência para discutir a situação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, já que a direção se nega a receber o Sindicato. Os servidores de nível médio do SAMU(motoristas, técnicos em enfermagem) se encontram em condições precárias de trabalho e sofrendo assédio moral por parte da direção do Órgão. O MPE detreminou que a administração apresente no prazo de 10 dias relatório com as respostas dos pontos discutitidos na audiencia.
Estiveram presentes na audiência, diretores do SINDSERM, Gervásio Santos e Maria Luíza e servidores do SAMU, Fernando Alves e Maria Lúcia. Da parte da administração do Órgão, estavam o Diretor Médio do SAMU, José Ivaldo e o gerente de Enfermagem, Marcelo Araújo, além do promotor Fernando Santos, que intermediava as negociações. A diretora geral, Helsimone Alves, mais uma vez não compareceu. 
São ambulâncias com defeitos, sujas, ou mesmo paradas. EPI’s(Equipament…

Agenda da Semana de 13 a 17 de maio de 2013.

13 - 16 / 05 . Mobilização para assembleia geral do dia 17 (sexta-feira).

14 / 05 (terça) . audiência no Ministério Público sobre o SAMU.

15 / 05 (quarta) . Reunião da diretoria do SINDSERM, 18 horas.

17 / 05 (sexta) . Assembleia Geral com Paralisação dos Servidores Públicos Municipais de Teresina. (no Teatro de Arena, a partir das 8 horas).

Conta para devolução do empréstimo emergencial de greve

BANCO DO BRASIL
AGENCIA: 3219-0
CONTA CORRENTE:  60072-5
SINDICATO DOS(AS) SERVIDORES(AS) PUBLICOS(AS) MUNICIPAIS DE TERESINA


OBS:. Realizar depósito e entregar a cópia do recibo do depósito para Raimundo Brito ou para um dos membros da Comissão Provisóriade Finanças do Movimento Grevista eleita em Assembleia (Nadab, Déborah, Nadson, Diego ou  Luciana) .

CONVOCAÇÃO GERAL A TODOS (AS) OS(AS) SERVIDORES(AS) MUNICIPAIS. TODOS(AS) À CÂMARA MUNICIPAL NESTA QUINTA-FEIRA!

Imagem
O REAJUSTE, ALÉM DE IMORAL TAMBÉM É INCONSTITUCIONAL!

A Votação do Reajuste Anual será nesta quinta-feira, 09 de maio de 2013, a partir das 8:00 h na Câmara Municipal.

      O SINDSERM repassou a todos(as) os(as) vereadores(as) um parecer da nossa Assessoria Jurídica demonstrando nitidamente a inconstitucionalidade presente no Projeto de Lei nº 65/13.
Fomos convidados a debater sobre o assunto na Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final, reunião que contou também com a presença dos secretários de administração e educação.
      No debate os(as) vereadores(as) da Comissão apresentamos a dupla inconstitucionalidade, relacionada com o artigo 37, X, da Constituição Federal.
O primeiro aspecto inconstitucional é relacionado com a anualidade, uma vez que o reajuste do ano passado vigorou em 1º de março de 2012. O projeto de Firmino (PSDB) vigora em 1º de maio.            Portanto, para que este aspecto inconstitucional seja sanado, o reajuste deveria retro…

Assembleia Geral dos(as) Servidores(as) Municipais de Teresina, 17 de maio de 2013!

Imagem
Assembleia Geral dos(as) Servidores(as) Municipais que estava prevista para acontecer no dia 16 de maio de 2013, teve que mudar de data devido ao fato de que o Teatro de Arena da praça da Bandeira estará ocupado nesta data. 
A Direção do SINDSERM reservou então o dia seguinte, 17 de maio de 2013 (SEXTA-FEIRA).

Havia sido ventilada a antecipação para o dia 15, entretanto, nesta data comemorar-se-á o dia do(a) Assistente Social, data em que haverá extensa programação com participação dos(as) servidores(as) muncipais pertencentes a este setor da categoria, e fizeram esta solicitação na Assembleia Geral do dia 23 de abril, o que foi aprovado na ocasião.


SINDSERM denuncia a inconstitucionalidade do ridículo reajuste de 6,5% que Firmino Filho (PSDB) quer conceder a servidores.

Imagem
Diretores do SINDSERM estiveram em reunião com a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de Teresina e os secretários municipais de Educação (Paulo Vilarinho) e da Administração (Sérgio Honório). Na reunião discutiu-se a inconstitucionalidade do projeto de lei com reajuste de apenas 6,5 para os servidores municipais, excluindo o magistério. Para a PMT, o magistério municipal já teria sido contemplado com a concessão de 7,97% referente à adequação do piso.

Entretanto, assessoria jurídica do SINDSERM contra-argumento que esta artimanha do prefeito Firmino Filho (PSDB) é ilegal, uma vez que desrespeita a regra geral da linearidade do servidor público, que diz que o reajuste deve ser dado a todos os servidores no mesmo percentual indistintamente.  Os 7,97% concedido ao magistério foi apenas a adequação ao piso nacional da categoria, sendo assim qualquer que seja o reajuste concedido aos servidores agora não poderá excluir nenhuma categoria.

Queremos salientar que em nenhum…

Audiência Pública no MPE discute situação do SAMU: Péssimas condições trabalho e assédio moral

Imagem
Nesta segunda, 06 de maio, o Ministério Público Estadual, a pedido do SINDSERM, realizará uma Audiência Pública para discutir a situação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. Os(as) servidores(as) de nível médio do SAMU(motoristas, técnicos em enfermagem) estão sofrendo com condições precárias de trabalho e constante assédio moral por parte da direção do Órgão. A Audiência acontecerá a partir das 9:00h, no Auditórioda Procuradoria-Geral de Justiça.
Ambulâncias com defeitos, sem ar-condicionado, sujas, ou mesmo paradas é uma triste realidade no SAMU. Falta até uniformes para os servidores, como botas e macacões novos, sem falar no risco constante de contaminação que os(as) servidores(as) do órgão enfrentam diariamente. EPI’s(Equipamentos de Proteção Individual) em número insuficiente e também deficientes. Praticamente todos os dias as ambulâncias e motolâncias tem como destino a oficina mecânica por que não é oferecida a manutenção preventiva necessária. Os próprios servi…

EDITAL DE CONVOCAÇÃO: A Comissão Provisória de Finanças do Movimento Grevista convoca todos os(as) servidores(as) públicas do município de Teresina que tiveram descontos em sua remuneração,

Imagem
Em reunião realizada no dia 01/05/2013, a Comissão Provisória de Finanças do Movimento Grevista - SINDSERM 2013 deliberou pela convocação de todos os servidores e servidoras públicas do município de Teresina que tiveram descontos em sua remuneração, decorrente do período de greve, para que forneçam ao sindicato fotocopia de contracheque e/ou espelho de pagamento de salário relativo ao mês de ABRIL/2013, o prazo para coletar os contracheques será até 07/05/2013 (terça-feira), para que a comissão faça levantamento de dados para a tomada de providencias cabíveis, visando também elaborar estratégias para atender a deliberação da base na Assembleia Geral do SINDSERM no dia 23/04/2013, visto que a entidade não tem condições financeiras de ajudar a todos os possíveis casos de servidores com descontos em contracheque.
A folha de pagamento do município de Teresina gira em torno de 35 milhões por mês, e a receita do SINDSERM gira em torno de R$70.000,00 por mês, configurando que matematicamente …