Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Assembleia geral dos(as) servidores(as) municipais de THE-PI, dia 03 de ...

Imagem

Vitória contra #ElmanoMaiorMentirosodoMundo: MPE obriga Elmano a alugar imóvel para alocar crianças da CMEI Dom Miguel Câmara!

Imagem
A 38ª Promotoria de Justiça de Teresina determinou ao Prefeito Elmano Férrer(PTB) e ao Secretário Municipal de Educação, que adquira ou alugue um imóvel para instalação de uma unidade escolar no bairro de Fátima, para alocar as crianças da CMEI Dom Miguel Câmara que foi fechada pela Prefeitura. A prefeitura e a SEMEC tem quinze dias para transmitir informações ao Ministério Público.  
O SINDSERM se reuniu com as mães da CMEI  para evitar o fechamento desta escola. O prédio onde funcionava a escola foi desocupado a pedido do Padre Tony Batista. No entanto a prefeitura de forma irresponsável vinha se negando a alugar um imóvel próximo às residências das 86 crianças matriculadas.
A creche existia há 30 anos e era única pública bairro. O fechamento da Unidade Escolar Dom Miguel Câmara causou prejuízos às crianças e adolescentes da região, que não dispõe de outras unidades de ensino público. A proposta da SEMEC era alugar ônibus para transportar crianças de 04 a 06 anos de idade para um outr…

Calendário de Assembleias: A GREVE CONTINUA!

Imagem
O prefeito Elmano Férrer insiste em descumprir a Lei Federal 11.738 que trata do piso salarial dos professores e do Horário Pedagógico. E ainda que empurrar goela abaixo um aumento ridículo de 6,22% para todos os servidores do município.
Durante quase dois meses de greve, os trabalhadores do município foram recebidos apenas duas vezes pela PMT. A primeira reunião no dia 20 de março(Relatório da 1ª reunião) e a segunda dia 26(Relatório da 2ª reunião). E nessas reuinões com a comissão de negociação, a PMT descaradamente disse que não tinha como pagar fazer valer a Lei do Piso. "Iniciamos a greve, dentre outras reivindicações, pelo cumprimento da lei do piso salarial e não iremos retornar para as salas de aulas enquanto o prefeito não cumprir a Lei. A greve é legal, que está ilegal é o prefeito que não quer pagar o que temos direito. Vamos resistir até a vitória" diz um professor durante Assembleia da última terça.
O SINDSERM não foi informado que haveria a…

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Imagem
Como bem passaremos a demonstrar os(as) professor(as) que trabalham nas CEMEIS não tem a obrigação de cumprir os 200 dias letivos, vejamos. Conforme preconiza a Lei de Diretrizes Básicas da Educação em seu artigo 21, inciso I temos que a educação básica é formada pela educação infantil, ensino fundamental e ensino médio.
No artigo 24, inciso I, desta mesma legislação estabelece que nas Unidades Escolares da Educação básica de nível fundamental e médio tem-se a obrigatoriedade de cumprir os 200 (duzentos) dias letivos e a carga horária anual das respectivas matrizes curriculares.
Da simples leitura deste artigo verifica-se que o legislador fez uma clara distinção entre a quantidade de dias letivos obrigatórios para as escolas da educação infantil e para as escolas de ensino fundamental e médio, uma vez que taxativamente só estabeleceu a obrigatoriedade dos 200 dias para estas ultimas.
Dessa forma a LDB só impõem o cumprimento imperativo dos 200 dias l…

Assembleia dos(as) Servidores(as) da Educação Municipal de Teresina, nesta quarta, 28 de março, na Câmara Municipal de Teresina.

Imagem
Os servidores em Assembleia desta terça-feira decidiram pela continuidade da greve da educação municipal, que já dura mais de 50 dias. O prefeito Elmano Férrer insiste em descumprir a Lei Federal 11.738 que trata do piso salarial dos professores e do Horário Pedagógico. O movimento paredista continua!
Durante segunda rodada de negociação, que aconteceu nesta segunda última, os representantes da Prefeitura confirmaram que não tem como pagar o valor do piso para os professores. E que o rejuste linear ficaria em míseros 6,22%.
"Iniciamos a greve principalmente pelo cumprimento da lei do piso salarial e não iremos retornar para as salas de aulas enquanto o prefeito não cumprir a Lei. A greve é legal, que está ilegal é o prefeito que não quer pagar o que temos direito. Vamos resistir até a vitória" diz um professor durante a Assembleia desta terça.
A Câmara Municipal aprovou em primeira votação, no dia 22 de março, a vergonhosa proposta de reajuste salarial de 6,22%…

Relatório da segunda rodada de negociações com a PMT, ocorrida em 26 de março de 2012.

PRESENTES SINDSERM: Sinsésio (Professor), Clesiana (Prof. CMEI), José de Jesus (Professor), Ana Mota (Auxiliar Administrativo), Nadab (Professor), Antônio Pereira (Trabalhador terceirizado demitido), Adonyara (Aadvogada) e Verônica Paraguassu (Economista. CÂMARA MUNICIPAL: Ze Nito (PMDB), Teresa Brito(PV) e R. Silva (PP). PMT: José Fortes (SEMA), Paulo Machado (SEMEC) e Pádua (Assessoria econômica) PGM: Procurador Marcelo Mascarenhas.
1.Eleição para a Direção de todas as escolas e CMEIs, com voto universal, sem exigência prévia de curso de gestão, ou qualquer espécie de teste seletivo; A SEMEC afirmou a disposição de realizar o mais rápido possível, os vereadores se comprometeram em aprovar o projeto em no máximo trinta dias com as seguintes condições: ·Voto ponderado com peso de 50% para professores e pedagogos, 25% para pais e alunos e 25% para funcionários; ·Eleições em todas escolas e CMEIs, sem vice-diretores naquelas com menos de três salas; ·Mandato de três anos com direito à reeleição; …
Imagem
ASSEMBLEIA GERAL DOS(AS) SERVIDORES(AS) MUNICIPAIS DE TERESINA 27 de março de 2012, terça feira, 8:30 h, na Câmara Municipal Pauta: Campanha Salarial 2012 Projeto de reajuste salarial enviado à Câmara Municipal Greve da Educação Municipal Indicativo de Greve Geral dos Servidores Municipais
6,22% é deboche!!!
        O menor vencimento da Prefeitura hoje é de R$ 545,00. Com o reajuste  que se encontra na Câmara, passará a ser de R$ 578,90. Menor que o salário mínimo. Mais uma ilegalidade do Prefeito Elmano Férrer (PTB) que será respaldada pelos(as) vereadores(as) que votarem no projeto.         Além disso, o Piso do magistério ficará em R$ 1240,00 com esse reajuste.
TODOS(AS) À CÂMARA MUNICIPAL!  É HORA DE LUTAR E CONSTRUIR A GREVE GERAL!!!







TUITAÇO contra o golpe que o Prefeito Elmano (PTB) quer dar nos servidores municipais Teresina!

Imagem
Os servidores da educação municipal de Teresina estão em greve há um mês e meio, mas somente agora o prefeito Elmano Férrer (PTB) chamou a categoria para uma reunião.  O que parecia o início de uma negociação era na verdade um GOLPE!
Enquanto fingia que negociava, mandou para a Câmara Municipal de Teresina , por "debaixo dos panos", um projeto lei com o ridículo reajuste de 6%, o que nem de longe atende às reivindicações dos trabalhadores e, o que é pior, sequer cumpre o que a prefeitura estava propondo na mesa de negociação que, além dos minguados seis por cento no vencimento, previa um acréscimo de 12% nas gratificações.

Cúmplices do GOLPE do prefeito mais mentiroso do mundo,  os vereadores de Teresina a votaram e aprovaram (em primeiro turno) este projeto golpista, isto prova que não podemos confiar no legislativo e no executivo de nossa cidade.

Para denunciar este miserável GOLPE e ajudar a impedir que os vereadores votem em segundo turno este projeto que não saiu da mes…

GOLPE: Todos contra o golpe do reajuste de 6,22% nesta Terça, 27, apartir das 8:30, Assembleia na Câmara de Vereadores

Imagem
A Câmara Municipal aprovou em primeira votação, no dia 22 de março, a vergonhosa proposta de reajuste salarial de 6,22% para todos(as) os(as) servidores(as) municipais, encaminhada pelo prefeito de Teresina Elmano Férrer (PTB). Nesse sentido a Direção do SINDSERM convoca a todos(as) os(as) servidores(as) municipais para uma ASSEMBLEIA GERAL nesta Terça, dia 27 de março, a partir das 8:30 h, na Câmara de Vereadores para impedir a segunda votação. 
    A Câmara dos Vereadores, de forma planejada e a mando do Prefeito Elmano Férrer(PTB), não informou ao SINDSERM que haveria esta primeira votação, e com a cumplicidade da maioria dos vereadores aprovou esse ridículo reajuste salarial de 6,22%.   Essa atitude acrescenta mais uma ilegalidade: com  esse reajuste o vencimento básico da Prefeitura, hoje de R$ 545,00, ficará abaixo do salário mínimo, pois ficará em apenas R$ 578,90.  

    Nossas perdas salariais, calculadas pelo IPC - Teresina, chegaram a 95,15% no mês de fevereiro, ou sej…
Imagem
PROGRAMAÇÃO DA GREVE DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL DE TERESINA 48º DIA DE GREVE - 24/03/2012 - Sábado 
9 às 11h  - Sede do SINDSERM - Reunião Ampliada da Diretoria (Planejamento junto com a base)

49º DIA DE GREVE - 25/03/2012 - Domingo
7 às 11h - - CSU do Parque Piauí -Manifestação e panfletagem  no Mercado Público e Feira do Parque Piauí
50º DIA DE GREVE - 26/03/2012 - Segunda Feira
7 às 11h - Mobilização, imprensa e monitoramento da Câmara.
14:00 às 18:00 h - Palácio da Cidade - Negociação e vigília
51º DIA DE GREVE - 27/03/2012 - Terça-feira
8:30 h - Câmara Municipal de Teresina - Assembleia Geral dos(as) Servidores(as) Municipais
Imagem
ASSEMBLEIA GERAL DOS(AS) SERVIDORES(AS) MUNICIPAIS DE TERESINA 27 de março de 2012, TERÇA-FEIRA às 8:30 h.  na CÂMARA MUNICIPAL DE TERESINA. Pauta:  CAMPANHA SALARIAL 2012GREVE DA EDUCAÇÃO MUNICIPALIPMTINDICATIVO DE GREVE GERALIII CONGRESSO DO SINDSERMOutros assuntos de interesse da categoria. TODOS(AS) À CÂMARA MUNICIPAL CONTRA O GOLPE DO REAJUSTE DE 6,22% ! A GREVE CONTINUA! ELMANO, A CULPA É SUA!

Tabela de vencimentos dos servidores técnicos e administrativos após a proposta da PMT! (CLIQUE NA TABELA PARA AMPLIAR)

Imagem

Tabela de tabela de vencimento e remuneração do magistério segundo proposta da PMT!

Imagem
TABELA ATUAL DO MAGISTÉRIO VIGENTE DESDE MAIO DE 2011
TABELA SALARIAL DA PMT - GREVE EDUCAÇÃO MUNICIPAL 2012

Após greve, servidores(as) do Raul Bacelar conseguem vitória.

Imagem
Os(as) servidores(as) do Centro de Diagnóstico por Exames Dr. Raul Bacelar fizeram uma manifestação em frente à sede da Fundação Municipal de Saúde (FMS), nesta quarta, 21. O objetivo do ato era forçar uma reunião entre a comissão de negociação dos(as) servidores(as) do Raul Bacelar e o presidente daquela Fundação, o médico José Ayrton.  A categoria está em greve desde sexta-feira, 16,  por conta do atraso no pagamento da gratificação por produtividade por excedente, eles não recebem desde janeiro.
Objetivo alcançado
José Ayrton recebeu os(as) servidores(as), e garantiu que pagará a gratificação  até a próxima sexta-feira, dia 23.  A administração da FMS afirma que, a gratificação recebida pelos(as) servidores(as) daquele laboratório, estaria irregular e que pretende regularizá-la.
Uma equipe da FMS se comprometeu de, na próxima semana, ir até o laboratório Raul Bacelar, localizado na zona sul de Teresina, para ver a realidade dos trabalhadores do local. "O que nos chama atenção é q…

Relatório das Negociações com a Prefeitura Municipal de Teresina

Imagem
Relatório das Negociações com a Prefeitura Municipal de Teresina
Presentes: SINDSERM: Sinésio Soares (Professor), Letícia Campos (Pedagoga), José de Jesus (Professor), Ana Mota (Auxiliar administrativa), Edgar (Agente de Portaria) depois Nadab Salvador (Professor); Antonio Pereira (Auxiliar Administrativo Terceirizado) e Assessorias: Adonyara Azevedo (Advogada) e Verônica Paraguassú. CÂMARA MUNICIPAL DE TERESINA: Vereador Zé  Nito (PMDB), Vereadora Teresa Brito (PV) e Vereador R. Silva (PP) PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA: Paulo César Vilarinho (PTB - Secretário de Governo); José Fortes (Secretário de Administração); Paulo RAIMUNDO Machado do VALE (Secretário de Educação), Cristina Sekeff (Assessora de Imprensa do Prefeito) e Pádua (Assessoria econômica). PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO: Dr. José Wilson, substituído por Dr. Marcelo Mascarenhas. Reivindicação da Categoria/SINDSERM Proposta da PMT       Cumprimento da Lei federal 11.738 que trata do Piso Salarial Profissional Nacional d…