Servidores de Teresina marcam presença no 1º de Maio e denunciam salários de vereadores

A delegação do Piauí marcou presença no 1º de Maio da Avenida Paulista, em São Paulo, organizado pelo Espaço de Unidade de Ação. Vieram com dois ônibus cheios e a participação principal dos Servidores Públicos Municipais de Teresina em greve contra os baixos salários e o aumento salarial vergonhoso aprovado aos vereadores.

Os vereadores de Teresina aumentaram o próprio salário e agora ganham mais de R$18 mil. Alguns secretários do prefeito Firmino Filho ganham mais de R$40 mil. Por outro lado, os servidores de nível fundamental e médio da saúde, recebem apenas R$698,00 de vencimento. A categoria está em greve contra salários rebaixados e o reajuste de apenas 3,5% oferecido pela prefeitura, parcelado em três vezes.  

A categoria diz ainda a situação degradante dos servidores com as jornadas exaustivas de trabalho e denunciam a inexistência de plano de carreira. Reclamam das condições de trabalho, e quem mais sofre é a população pobre que depende dos serviços públicos.   Nesta sexta-feira (6), o Sindserm Teresina, Sindicato filiado à CSP-Conlutas, convoca a todos a assembleia para definir os rumos do movimento grevista iniciado no dia 1° de abril.



Ataques não são isolados

Os servidores públicos nos estados e municípios estão sofrendo os mesmo ataques provocados pelo ajuste fiscal implementado na esfera federal e distribuído pelos governos estaduais. Assim como os servidores de Teresina estão em luta, os educadores de Contagem r os servidores do Maranhão também estão enfrentando a dureza das gestões locais que querem aplicar o “golpe” com ataques aos direitos dos trabalhadores.  


É preciso denunciar essa política de arrocho, unificar nossas lutas e construir uma greve geral no país para barrar todos esses ataques.
   

Fonte: cspconlutas.org.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!