Funcionários do HUT, em greve, fazem manifestação em frente aquele hospital



O prefeito Elmano Ferrer (PTB) não cansa de "meter" a mão nos contracheques dos servidores municipais de Teresina, auxiliares de serviços gerais, agentes de portarias, auxiliares de serviços administrativos de vários órgãos e secretarias da administração municipal têm visto seus salários serem "saqueados".  Há casos inclusive de contacheques zerados.

Há algumas semanas agentes de portaria e auxiliares de serviços gerais da Educação tiveram que acampar no prédio da SEMEC, e encurralar o secretário Paulo Machado, para ter suas vantagens repostas nos contracheques. Agora são motoristas do SAMU que ameaçam paralisar caso não tenham de volta benefícios que foram tirados do seu vencimento.

Mas quem está parado mesmo é o HUT, pelo menos o setor administrativo. Os técnicos daquele hospital, após sofrerem o rebaixamento nos seus salários decidiram paralisar seus trabalhos por tempo indeterminado e contam com o apoio do SINDSERM.  Assim está planejado um ato nesta segunda feira (hoje, 03/10) em frente ao Hospital de Urgências de Teresina, a partir das 7 horas da manhã e na terça (04/10) em frente à Fundação Municipal de Saúde (Bairro Aeroporto), a partir das 8 da manhã.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Afinal o que é o HP?

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!