Servidores públicos municipais de Teresina são agredidos verbalmentes em plena execução de seu trabalho.

Todos os dias servidores públicos são desrespeitados em seu local de trabalho, é o professor que é vítima da indisciplina nas escolas, é o agente de saúde que é assaltado em plena luz do dia, é a auxiliar de enfermagem que  é agredida nos postos de saúde.  O caso mais recente ocorreu na noite de quarta-feita, dia 4 de março, em que agentes de trânsito, conhecidos como azuizinhos, flagravam carros estacionados de forma irregular próximos a uma das faculdades privadas de Teresina.

Os azuizinhos foram agredidos verbalmente por um dos alunos da faculdade por estarem exercendo seu serviço, foram acusados de alimentar uma suposta "indústria de multas" e que, se estivessem em outra zona da cidade, "levariam bala", teria dito o agressor, segundo relato dos servidores.

O caso acabou na delegacia de flagrantes e os servidores tiveram o apoio do SINDSERM, representado por sua assessora jurídica, a doutora Adonyara, e integrantes da diretoria do sindicato.  O caso trás à tona as situações de insegurança em o servidor público municipais estão expostos. É importante que ele venham ao seu sindicato e e una-se a outros servidores para que possam pressionar a administração municipal para que esta adote medidas para proporcionar melhores condições de trabalho e de respeito à sua função.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!