FÓRUM EM DEFESA DO TRANSPORTE PÚBLICO CONVOCA ATO NA FREI SERAFIM


Em um grande ato de desrespeito à sociedade e às suas organizações, que constituiram o FÓRUM EM DEFESA DO TRANSPORTE PÚBLICO no sentido de dialogar com a Prefeitura de Teresina e, por dentro, desenvolver uma política de transporte coletivo para Teresina, onde as bandeiras do congelamento das tarifas e o passe-livre estão inseridos, o prefeito Elmano Férrer (PTB) assinou a portaria que traz o aumento das passagens dos ônibus no valor de R$ 2,10 nesse final de semana, sem ao menos consultar as entidades que estão inseridas no Fórum.

Aliás, em nenhum momento o prefeito buscou sentar com a sociedade civil organizada e muito menos se sensibilizou com a causa do Ministério Público que impetrou diversas ações judiciais questionando a posição do SETUT em querer aumento o preço das tarifas do transporte coletivo em Teresina. Na verdade, Elmano Férrer e seu gabinete, a todo momento (seja na mídia, seja nos fóruns públicos), veio se pronunciando, ou melhor, advogando em defesa dos empresários do transporte coletivo na cidade. Dando a entender que sua administração está voltada para atender os interesses dos empresários de ônibus do que atender a necessidade da grande maioria da população teresinense, que não tem capacidade de pagar por mais esse aumento absurdo de R$ 2,10.

A Central Sindical Popular - Conlutas (CSP-Conlutas), que está dentro do FÓRUM EM DEFESA DO TRANSPORTE PÚBLICO no Piauí, junta-se a todas as outras entidades que estão organizando o ATO CONTRA O AUMENTO DAS PASSAGENS, programado para esta segunda, dia 29 de agosto, às 9h, na FREI SERAFIM COM A COELHO DE RESENDE, por entender que a classe trabalhadora piauiense e a população carente de nossa capital não tem capacidade de arcar com mais um aumento das tarifas dos transportes coletivos em Teresina (aumento acima de 10%) e, ao mesmo tempo, CONVOCA TODAS AS ENTIDADES E MILITANTES próximas à CSP-CONLUTAS PIAUÍ a estarem presentes nesse ATO CONTRA O AUMENTO DAS PASSAGENS EM TERESINA.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Afinal o que é o HP?

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!