Diretoras(es) do SINDSERM conseguem entrar em escola após serem barrados por direção; PM precisou ser acionada para garantir a entrada

Na manhã desta sexta-feira (17), diretores do SINDSERM estiveram na E.M. H. Dobal e ao chegarem ao local foram impedidos pela direção da escola de terem acesso ao espaço. A ordem da direção era que os portões se mantivessem fechados. A visita na escola seria para uma reunião com professores e apuração de uma denúncia de assédio moral por parte da direção com um dos professores.

A Polícia Militar foi acionada para que fosse possível a entrada na escola, mesmo assim a direção do SINDSERM não foi recebida pela gestora. Um professor procurou o Sindicato para denunciar a emissão de um documento por parte da diretora da escola modificando suas turmas, sob a alegação de que o mesmo não estaria cumprindo as atividades do horário pedagógico (HP). Veja o documento:

 


A direção da escola não apresentou provas de que o professor não esteja cumprindo seu planejamento e esse tipo de documento pode gerar ações judiciais por danos morais. Professores que estiverem recebendo este tipo de documento ou ação devem procurar imediatamente o SINDSERM. 






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!