Judiciário piauiense determina suspensão de greve deflagrada pelo SINDSERM

A análise da ilegalidade da greve será realizada em audiência de conciliação ou mediação
 
Nesta terça-feira, 18, o Sindicato dos (as) Servidores (as) Públicos (as) Municipais de Teresina (SINDSERM), recebeu, ao meio dia, uma cópia da decisão do Desembargador Sebastião Ribeiro Martins, onde ele determina a suspensão do movimento grevista no setor de radiologia do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). 

De acordo com a decisão, em caso de descumprimento, o desconto dos dias não trabalhados ocorreria a partir de hoje, 19 de abril (dia seguinte à intimação). 

O SINDSERM convocará Assembleia específica dos (as) servidores (as) da saúde municipal para discutir os rumos do movimento e a Greve Geral nacional do dia 28 de abril, contra a Reforma da Previdência, Reforma Trabalhista e terceirizações.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!