Reunião entre professoras(es) e Kléber Montezuma recebe visita do SINDSERM em chamado ao fortalecimento à Greve Geral



Nesta quinta-feira (27), diretores e assessoria jurídica do Sindicato das (os) Servidoras (es) Públicas(os) Municipais de Teresina visitaram o Centro de Formação Odilon Nunes, enquanto o Secretário Municipal de Educação, Kléber Montezuma, havia marcado reunião com dirigentes de escolas e CMEIs. 

Várias(os) diretoras(es) de escolas informaram ao sindicato que haveria esta reunião, numa tentativa desesperada de impedir a enorme participação prevista para a GREVE GERAL nesta sexta feira. O SINDSERM dirigiu-se até o local e utilizou um carro de som  para informar às(aos) presentes sobre a luta contra a retirada de direitos e a precarização das condições de trabalho das(os) servidoras(es) públicas(os). 

Em seguida, as(os) diretoras(es) do sindicato adentraram o auditório, onde o secretário pretendia intimidar as(os) dirigentes de unidades ensino. A visita surpreendeu o gestor (que ocupa o cargo ilegalmente), pois a atividade serviria para pressionar as direções de unidades de ensino para que intimidassem o magistério, tendo em vista a participação recorde que ocorrerá amanhã na GREVE GERAL.  Assim que Diretoras(es) e assessoria jurídica do sindicato adentraram o auditório Montezuma encerrou rapidamente a reunião. O tiro saiu pela culatra, pois sindicato deu continuidade e explicou a importância da participação no evento histórico desta sexta feira e que as direções serão protegidas pelo SINDSERM, em caso de perseguição pela SEMEC.

Em seguida, passando nas salas do Centro de Formação, a Direção do SINDSERM era aplaudida pela categoria que confirmou presença em peso na Assembleia Geral que será no Teatro de Arena, às 8h, e seguirá em ato unificado a partir das 10 horas na GREVE GERAL contra as reformas trabalhista, previdenciária e a terceirização. A luta segue ainda mais fortalecida em toda a rede municipal e a adesão à Greve Geral de 28 de abril é cada vez mais forte. 







Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Afinal o que é o HP?

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!