Mobilizações continuam e 28 de abril é dia marcado para parar o Brasil!

A Greve Geral das(os) trabalhadoras(es), convocada pelas centrais sindicais, movimentos sociais e diversas entidades em todo o país, está se fortalecendo junto à base do Sindicato das(os) Servidoras(es) Públicas(os) Municipais de Teresina (SINDSERM). Nas mobilizações nos locais de trabalho e nos canais de comunicação do Sindicato está sendo reforçada a data, onde também ocorrerá uma Assembleia Geral da categoria para discutir as pautas da campanha salarial de 2017, Greve das(os) Trabalhadoras(es) da Saúde Municipal e o indicativo de Greve Geral da categoria.

Nesta data, o SINDSERM Teresina irá construir, com demais movimentos de Teresina, um ato unificado contra as reformas previdenciária, trabalhista e contra as terceirizações, a partir das 10h.

Em todas as visitas aos locais de trabalho, a categoria tem respondido positivamente ao chamado à Greve Geral, entendendo que é necessário transformar as reivindicações em luta para barrar os projetos que precarizam a vida das(os) trabalhadoras(es) e pretendem retirar o direito à aposentadoria.

Como continuação às mobilizações, o Coletivo de Gênero e Classe do SINDSERM, que reúne mulheres, negras e negros, LGBTs e todos os setores oprimidos, está preparando um calendário de lutas para os dias que seguem, alinhando também à data do Dia Internacional de Luta das(os) Trabalhadoras(es) no 1º de Maio. 

Todas as lutas das(os) trabalhadoras(es) estarão nas ruas do Brasil! Vamos parar o Brasil! 
#Greve Geral
#28A
#Sindsermno28A 








 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!