Cartão da "Entregação" dos transportes públicos de Teresina de Elmano Férrer (PTB) é feito pela Credishop, de João Vicente Claudino (PTB). É uma armadilha contra o povo!

Cartão da Integração é feito pela Credishop e pode ser usado para compras

segunda, 02 de janeiro de 2012 • 12:21

Por Jéssica Monteiro (Portal AZ)


O vale transporte eletrônico, que substituirá o passe de papel, está sendo produzido
pela empresa Credishop. Ao colocar créditos no cartão, o usuário do transporte
coletivo de Teresina terá a possibilidade de também fazer compras no comércio.
O dispositivo funcionará como um cartão de crédito pré-pago.

Durante protesto contra o aumento no valor da tarifa de ônibus, Sinésio Soares,
presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Teresina (SINDSERM),
acusou o prefeito Elmano Férrer de trabalhar segundo os interesses do Setut
e do Grupo Claudino - a quem pertence o Credishop. Segundo ele,
o vale transporte eletrônico induz o usuário à compra.
























Segundo a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Teresina (Semcom),
o cartão não foi feito com essa finalidade. “Há a possibilidade,
mas o usuário não é obrigado a aderir”, explica o órgão oficial.
A escolha da empresa Credishop foi feita, de acordo com a Semcom,
por medida emergencial, mas que futuramente haverá um processo licitatório.

O sistema de vale transporte eletrônico já é adotado pela Fundação Municipal de Saúde
e deverá ser ampliado para todos os usuários de transporte coletivo num prazo de 30 a 60 dias.
 Para ser utilizado para compras, o cartão deve ser habilitado.
“Eu não habilitei meu cartão e acho que pouca gente habilitou,
porque acredito ser um desrespeito, um abuso com o usuário”,
explica Jaína Ribeiro, servidora municipal.

De acordo com a servidora, a adesão ao vale transporte eletrônico
impede a utilização de outros tipos de transporte.
“Eu não posso vender e utilizar o dinheiro para pegar um mototáxi
pra vir ao trabalho, sou obrigada a utilizar o ônibus”, reclama Jaína,
afirmando ter recebido vários panfletos da empresa Credishop
explicando como o cartão pode ser utilizado no comércio
.
http://www.portalaz.com.br/noticia/geral/235105_cartao_da_integracao_e_feito_pela_credishop_e_pode_ser_usado_para_compras.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Afinal o que é o HP?

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!