Comunidade escolar do Eurípedes Aguiar realizará protesto em frente à SEMEC nesta segunda feira para evitar o fechamento da Escola



Professores, alunos e pais, funcionários, e comunidade da Escola Municipal Eurípedes de Aguiar, localizada no Bairro Marques de Paranaguá, irão fazer um protesto nesta segunda, dia 16, em frente a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), a partir das 8:30. O objetivo da manifestação é mostrar para a sociedade que todos são contrários ao fechamento da tradicional escola, como também buscar esclarecimentos do Secretário de Educação, Paulo Machado, sobre o assunto.

Quinta-feira, dia 05 de janeiro, ainda no período de férias, a direção da referida escola recebeu um comunicado verbal proibindo a realização de novas matrículas de alunos oriundos de outras escolas, excetuando os da Escola Municipal Murilo Braga, localizada ao lado da Eurípedes Aguiar. A SEMEC alega que o cancelamento dessas matrículas é por causa de uma reforma que iria haver na Eurípedes de Aguiar. No entanto o medo do possível fechamento atormenta há muito tempo a comunidade escolar da referida instituição.

“O que queremos é que o Secretário de Educação Paulo Machado receba a comissão constituída por professores, funcionários, alunos, mães e pais de alunos e SINDSERM para esclarecer essa situação, já que a reunião que foi marcada para acontecer sexta-feira passada foi cancelada pela administração horas antes”, diz Sinésio Soares, presidente do SINDSERM(Sindicato dos Servidores Municipais de Teresina).

Trabalhadores da Escola Eurípedes de Aguiar e comunidade em geral fizeram uma passeata quinta, dia 12 pelas ruas do bairro marquês para denunciar o caso. Ônibus serão disponibilizado para trazer os manifestantes até a sede da SEMEC.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!