Servidora do HUT é vítima de agressão física e assédio moral.


Auxiliar de enfermagem do HUT é agredida por enfermeiro chefe do setor
Houve protesto hoje em frente ao HUT reivindicando a punição do agressor


Mas um caso de agressão contra a mulher, revoltou os(as) servidores(as) do HUT. O enfermeiro Rui Cipriano, ocupa cargo de chefia no Hospital de Urgência de Teresina, agrediu a Auxiliar de Enfermagem Maira Frazão. Esse ato de covardia aconteceu no ultimo dia 15, no período da tarde no próprio local de trabalho.

Maria Frazão foi ofendida com palavras de baixo calão e agredida fisicamente com tapas e socos por Cipriano. Um verdadeiro ato de covardia e autoritarismo que não iremos mais aceitar!

Nesse sentido, o SINDSERM, através do seu Coletivo de Gênero e Classe e da Secretaria de Mulheres, esteve em manifestação hoje, pela manhã, em frente ao HUT, denunciando o caso e exigindo que providencias sejam tomadas para que esse agressor não fique em pune, como também repudiar qualquer tipo  de violência que está ocorrendo dentro do hospital. 

O enfermeiro já foi afastado do setor, mas não queremos apenas o afastamento do agressor, queremos punição severa, visto que não é o primeiro caso de agressão de criminosos que se acham no direito de diariamente perseguir servidores(as) nos seus locais de trabalho.  

A assessoria jurídica do SINDSERM orientou a vítima para registrar de um Boletim de Ocorrência da agressão e solicitar o encaminhamento para a realização de exame de corpo de delito. 







Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não existe obrigatoriedade dos 200 dias letivos para os(as) professoras que trabalham nas CMEIs.

Afinal o que é o HP?

O ATAQUE AO RECREIO; O DESCANSO DE VOZ DOS PROFESSORES, - MAIS UM GOLPE DO SECRETÁRIO (DES) EDUCAÇÃO KLÉBER MONTEZUMA AO DIREITO DOS TRABALHADORES DO MAGISTÉRIO MUNICIPAL!